Projeto “Adolescentes Protagonistas” inicia suas atividades no Guará

Crianças, adolescentes e jovens de quatro escolas públicas e de uma unidade de internação do DF farão parte do projeto.

As primeiras atividades do projeto “Adolescentes Protagonistas” se iniciam esta semana no Centro Educacional 04, no Guará. A iniciativa, desenvolvida pelo Inesc desde 2008, conta com o patrocínio da Petrobras e atenderá cerca de 200 crianças, adolescentes e jovens de quatro escolas do DF (Estrutural/ Guará, Lago Oeste, Paranoá, Cidade Ocidental/Quilombo Mesquita) e a Unidade de Internação de Santa Maria (UISM). Os integrantes do projeto participarão de debates sobre direitos humanos, cidadania e orçamento público, além de elaborarem pesquisa de percepção sobre suas comunidades e produzir uma revista e programas de rádio.

O principal enfoque do projeto é assegurar o envolvimento de meninos e meninas na discussão sobre direitos e cidadania, observando como esses temas se relacionam com o orçamento público. A ideia é fortalecer a capacidade de atuação dos/as jovens na conquista de seus direitos e no monitoramento das políticas públicas a eles/as destinadas.

Oficinas

Em um primeiro momento, os integrantes do projeto irão participar de uma série de encontros baseados nos princípios da educação popular, da arte-educação e da educomunicação. Em formato de oficinas, os encontros tratam de questões referentes à participação democrática e organização do Estado, à educação de qualidade, às noções de justiça ambiental, orçamento público, proteção à infância e à adolescência e à comunicação. Confira abaixo a agenda das oficinas:

13/4 – Direitos Humanos (oficina com pintura e leitura de instrumentos jurídicos)
15/4 – Participação e reforma política (apresentação de vídeos e debates)
17/4 – Orçamento Público (apresentação de vídeo e debates)
22/4- Orçamento Público 2 (esquetes de teatro)
24/4 – Comunicação (apresentação de vídeo, debate e análise de material da mídia)
27/4 – Formação para pesquisa de percepção

Comunidade

Como resultado dos diálogos desenvolvidos nas oficinas as crianças, adolescentes e jovens também irão realizar uma pesquisa de percepção nas suas comunidades. A escolha do tema da pesquisa dependerá da priorização dos assuntos elencados pelo próprio público participante do projeto. Nesse momento, a comunidade é envolvida diretamente, visto que os moradores da região são entrevistados pelos integrantes do Adolescentes Protagonistas, com o objetivo de identificar os problemas dos locais. Confira a agenda das atividades no Guará:

29/4 – Trabalho de campo (produção de fotografias e entrevistas na comunidade)
2/4- Entrevista com gestores públicos e Conselho de Política Pública (ambos ainda serão escolhidos pelos próprios integrantes do projeto.

Boletim “Direitos na Comunidade”

Como resultado dos debates realizados nas oficinas e também da produção de material junto às comunidades, os integrantes do projeto irão produzir um boletim impresso intitulado “Direitos na Comunidade”. O boletim servirá para reunir os principais temas discutidos. Em um segundo momento, ele será utilizado para fazer incidência na Câmara Legislativa do DF e, dependendo do tema, no Congresso Nacional.

Mais sobre o projeto

O “Adolescentes protagonistas” também promoverá eventos coletivos, que contarão com todos os participantes do projeto e com a presença de especialistas de diferentes áreas. Rodas de conversas, debates, seminários sobre o processo legislativo, circuito de cinema, participação em Audiências Públicas também farão parte das atividades do projeto. Todas as atividades culminam na produção de conteúdos para diálogos com o poder público.

Paralelamente, os integrantes do projeto irão produzir peças da área de comunicação. A produção da revista [email protected] (confira mais aqui), a elaboração de roteiros e produção de programas de rádios e de boletins que serão distribuídos nas escolas e na comunidade estão previstos na iniciativa (escute alguns programas anteriores aqui).

Por Gisliene Hesse

TIMBRADO_RELEASES-2